Bancada de oposição pede que Executivo compre vacinas de forma direta

Bancada de oposição pede que Executivo compre vacinas de forma direta

No meio da semana, a bancada de oposição protocolou um requerimento na Câmara de Vereadores requisitando à Prefeitura de Bagé que manifeste interesse na compra de vacinas contra a Covid-19, de forma imediata e emergencial, junto à FIOCRUZ, Instituto Butantan ou qualquer outro laboratório nacional ou internacional. No documento, os vereadores pediram a regulamentação imediata do Fundo Municipal Especial para aquisição de vacinas, criado em dezembro do ano passado.
O Supremo Tribunal Federal autorizou, na última terça-feira, que estados e municípios tenham autonomia na aquisição de doses de vacinas contra a Covid-19 caso o Governo Federal não cumpra o Plano Nacional de Imunização. A autorização se dá para vacinas registradas pela Anvisa, mas caso a agência brasileira não autorize a compra em até 72h, os estados e municípios podem adquirir qualquer vacina registrada em agências reguladoras da Europa, Estados Unidos, Japão ou China.
“Esperamos que o Executivo acate nosso requerimento e faça um movimento o mais rápido possível para que todos os bageenses possam receber suas vacinas, retomando à normalidade, salvando vidas e protegendo a economia. Nossa bancada está totalmente à disposição para auxiliar a Prefeitura no que for necessário para a aquisição das vacinas para Bagé”, pontuou a bancada de oposição.
+Política +Saúde Capa Comunidade Covid-19