Caminho da Luz passa a oferecer serviço de pet-terapia e atendimento odontológico a assistidos

Caminho da Luz passa a oferecer serviço de pet-terapia e atendimento odontológico a assistidos

Desde quarta-feira (8), o Caminho da Luz iniciou mais dois atendimentos diferenciados a seus assistidos. Contando com a atuação voluntária da médica veterinária Viviane Fernandes e da odontóloga Raquel Kiarosk, a instituição conta agora com a terapia assistida por animais (Pet Terapia) e os serviços de Odontologia de forma gratuita ao público atendido pela instituição.

Pet-terapia
Os atendimentos da Pet Terapia serão oferecidos duas vezes por semana – às segundas pela manhã e quarta à tarde. A primeira atividade de Viviane foi realizar uma visita às dependências da instituição, acompanhada dos mascotes Catita (uma simpática cadelinha cruza de labrador com perdigueiro, com 10 anos) e Chase (um filhote de pastor alemão com dois meses). A “visita” encantou aos assistidos que estavam em atendimento e também aos profissionais.

“Espero que esse trabalho possa agregar ao tratamento dos assistidos, já que nosso trabalho sempre terá o acompanhamento de um integrante da equipe multidisciplinar na área terapêutica e eu estarei acompanhando os cães”, explica Viviane. O espaço para o atendimento da pet-terapia está sendo concluído e, após, entre uma e duas crianças podem ser recebidas no local por vez.

Odontologia
Os atendimentos odontológicos vão ocorrer às quartas-feiras no período da tarde. A forma como Raquel conheceu a instituição é curiosa. A odontóloga atuava em Cachoeira do Sul até 2020, quando veio para Bagé. “Eu recebi uma ligação do telemarketing, solicitando uma contribuição. Daí falei que estava em Bagé e gostaria de saber se havia possibilidade de contribuir como voluntária. Em pouco tempo conversei com a equipe e agora iniciamos o atendimento”, relata Raquel.

A dentista atendeu na APAE em Cachoeira do Sul e destaca que há dificuldade de encontrar profissionais que tenham atendimento especializado para pessoas com deficiência. “Espero poder colaborar. Mesmo que sejam poucos atendimentos, já me sinto feliz em estar aqui contribuindo com meu trabalho”, pondera Raquel. Na instituição será realizado o primeiro atendimento, com avaliação preliminar, enquanto a entidade busca a formalização do gabinete odontológico. Caso haja necessidade de um procedimento mais invasivo, Raquel colocou o consultório à disposição para efetuar os atendimentos.

Ampliação de serviços
O presidente do Caminho da Luz, Ruibar Freitas, ressalta a disponibilidade das profissionais em oferecer seus serviços de forma voluntária em duas áreas fundamentais nas áreas de saúde e assistência social. “Muitas das famílias atendidas na instituição não têm condições de custear uma consulta ao dentista. Oferecemos nossa estrutura e a Raquel irá oferecer um serviço qualificado e diferenciado a nossa clientela”, destaca Freitas. Em relação à Pet Terapia, o presidente reforça que tratava-se de um antigo sonho da instituição. “Sabemos da importância para os assistidos do contato com os animais, já tendo como base o serviço da equoterapia. Tendo uma profissional como a Viviane disponibilizando uma terapia diferenciada, temos certeza que as crianças vão apresentar resultados surpreendentes para auxiliar nos tratamentos aos quais precisam para sua evolução”, pondera.

No caso da Pet Terapia, a comunidade será convidada a colaborar com a entidade. O espaço precisa de doações como tinta, brinquedos para cães, caminha, comedouro, bebedouro, tatames, guias, utensílios para higiene (como escova de dente e escova para pelo), cercado para animais, casinhas, caixas para transporte, petiscos, rampa, além de rampa, escorrega e túnel para cães. As doações podem ser encaminhadas diretamente para a sede do Caminho da Luz (Avenida General Osório, 2478). A instituição se dispõe a buscar materiais em grande quantidade – contatos podem ser feitos pelo telefone 3240-3500.

+Saúde Cidades Comunidade